AGENDE SUA CONSULTA VIA WHATSAPP

+Pré e Pós-Operatório

REABILITAÇÃO PÓS-OPERATÓRIA
A reabilitação Pré-operatória tem ganhado cada vez mais espaço e notoriedade entre ortopedistas e fisioterapeutas. Assim como “reabilitação” geralmente se refere ao trabalho que os pacientes realizam para se recuperar após a cirurgia ou tratamento médico intenso, a “pré-reabilitação” foi projetada para ser realizada antes desse procedimento.

 

 

Quais são os objetivos da reabilitação pré-operatória?

Em poucas palavras, a reabilitação pré-operatória reduz o tempo de reabilitação pós-operatória. Para pacientes que farão próteses articulares pré-planejadas ou outras operações reparadoras, a reabilitação pré-operatória ajuda a reduzir o tempo e os desafios da reabilitação pós-operatória.

Após a cirurgia, os pacientes devem reaprender a se mover novamente. Grande parte dessa necessidade vem da falta de massa muscular e flexibilidade que sua condição existente causou. Além disso, a cirurgia em si geralmente envolve dor e rigidez nos dias e semanas seguintes.

A reabilitação pré-cirúrgica foi projetada para ajudá-lo a recuperar parte de sua força e flexibilidade perdidas antes mesmo da cirurgia, além de aumentar sua capacidade de curar mais rapidamente após a operação. Quando feito corretamente, o pré-tratamento pode diminuir drasticamente o tempo e a dor associados à recuperação pós-cirúrgica.

 

O que acontece no "pré-op"?

Supondo que você tenha tempo de planejamento suficiente, suas sessões de reabilitação pré-operatória começarão cerca de seis semanas antes da sua operação, dependendo do que o seu médico aconselhar. Nosso fisioterapeuta também o ajudará a avaliar seus objetivos e preocupações. (Muitos pacientes se preocupam em subir escadas após a cirurgia, por exemplo, ou mesmo na primeira caminhada até o banheiro do hospital.)

Durante suas sessões, você estará trabalhando na construção de sua força e resistência gerais, para que seu corpo se recupere do trauma cirúrgico. Além disso, seu fisioterapeuta ajudará a estruturar um plano que atenda aos desafios de sua cirurgia em particular, como o fortalecimento da parte superior do corpo, se você for andar de muletas.

 

O que posso esperar da reabilitação pré-operatória?

Estudos mostram que os pacientes que participam da reabilitação pré-operatória podem ter os seguintes benefícios:

  • Maior resistência e confiança. Você não apenas terá mais resistência aeróbica e força muscular para seguir as rotinas pós-operatórias, como também terá confiança em já ter elaborado as estratégias para fazê-lo.
  • Maior mobilidade. O Pré-Op oferece a flexibilidade física necessária para trabalhar com a rigidez pós-cirúrgica. Nossos fisioterapeutas também treinam você em técnicas para manter o equilíbrio e compensar membros que você não pode usar completamente enquanto está se recuperando.

Com a reabilitação pré-operatória, nossa equipe de fisioterapeutas reunirá o programa certo para garantir que sua reabilitação pós-operatória seja o mais breve e indolor possível.

 

REABILITAÇÃO PÓS-OPERATÓRIA

A reabilitação Pós-operatória pode ser um processo longo. Após a cirurgia, o período de reabilitação pode levar vários meses e até um ano em alguns casos. É importante que os pacientes no pós-operatório entendam isso. Seja cirurgia no joelho, cirurgia no ombro ou outro tipo de cirurgia, o período de recuperação levará tempo. O prazo real para recuperação depende de muitos fatores. A reabilitação pós-operatória é uma atividade progressiva. Os tecidos precisam ser estimulados, pois as vezes não conseguem se recuperar sozinhos, e a recuperação é um processo complexo. O núcleo da reabilitação pós-cirúrgica é fazer os exercícios certos e a quantidade certa de exercícios. A intensidade dos estimulos deve aumentar gradualmente e progressivamente.

 

Os benefícios da fisioterapia após a cirurgia

A maioria dos médicos e outros profissionais médicos recomendam fisioterapia após uma operação devido aos seus muitos benefícios. Os benefícios da fisioterapia pós-operatória incluem:

  • Garantir cicatrização e cura total
  • Recuperar a mobilidade
  • Acelerar os resultados
  • Envolvimento na reabilitação
  • Diminuir a dor pós-operatória
  • Reduzir a formação de tecido cicatricial/aderências

É importante para o corpo curar após uma operação. Isso pode ser para curar o tecido cicatricial ou treinar os músculos após a cirurgia. Com um fisioterapeuta, os pacientes podem ter um plano de tratamento projetado especificamente para o seu tipo de cirurgia. Cirurgiões diagnosticam e corrigem lesões; fisioterapeutas melhoram a maneira como você se sente e funciona após a cirurgia.

As cirurgias nas extremidades inferiores, principalmente quadris e joelhos, requerem fisioterapia para recuperar a mobilidade e a flexibilidade. A fisioterapia ajuda os feridos a retornarem às suas atividades regulares e tarefas diárias. Atividades diárias, como caminhadas e jardinagem, são possíveis novamente. Os fisioterapeutas compreendem os diferentes estágios da cura e sabem como desenvolver um plano de tratamento que acelera a recuperação, para que os pacientes possam retornar ao seu estilo de vida ativo.

Ao desenvolver um plano de tratamento, o fisioterapeuta sempre leva em consideração o estado de condicionamento pré-operatório e os objetivos pós-operatórios. Eles acessam músculos e articulações acima e abaixo do local da cirurgia. Obter serviços de fisioterapia no pós-operatório permite que os pacientes se envolvam ativamente na recuperação. É um relacionamento colaborativo. Os pacientes dão aos fisioterapeutas um feedback contínuo sobre seu progresso e têm muitas informações. Fisioterapeutas desenvolvem planos de exercícios específicos para cada paciente. Os pacientes podem aprender os exercícios com o fisioterapeuta e depois praticá-los sozinhos em casa. Eles também podem oferecer tratamentos passivos, como massagem manual, ultrassom e terapias frias e quentes.

A terapia geralmente é dividida em estágios separados. A primeira fase ocorre imediatamente após a cirurgia, quando a parte do corpo pode ser imobilizada enquanto a dor e o inchaço começam a diminuir. Em seguida, vem uma série de exercícios progressivos para melhorar a amplitude de movimento, estabilidade e função. O último objetivo é retornar o paciente a um nível de atividade pré-lesão.

A fisioterapia após a cirurgia pode colocar a pessoa em um caminho mais rápido para a recuperação. Por que deixar a recuperação levar mais tempo? Aproveite os serviços de fisioterapia, se você fez uma cirurgia.

AGENDE JÁ SUA CONSULTA